Auto Viação Tes Amigos - Mobilidade Fluminense

Ir para o conteúdo

Menu principal:

 

Auto Viação Três Amigos

A Três Amigos é uma das empresas mais tradicionais do subúrbio carioca. Operando em bairros como Méier, Madureira, Irajá, Penha e Marechal Hermes, ela roda como empresa de ônibus desde 1965, mas conta-se que ela rodava antes na Zona Sul. A Três Amigos urbana e a Três Amigos rodoviária já foram uma só, depois se separando.

A tradição da empresa, embora não tão evidente quanto uma São Silvestre, aparece em duas linhas, as que deram o pontapé para seu crescimento:
712 (Cascadura x Irajá) e 721 (Cascadura x Vila Cruzeiro), ambas derivadas dos bondes. Como Madureira é um bairro que polariza grande parte da Zona Norte, a dupla mantêm sua importância até os dias de hoje. No fim dos anos 60 veio o crescimento, com a aquisição da 939 (Quintino x Penha) da Mosa, esticada até o Méier e transformada na famosa 676.

Os anos 70 reservam uma surpresa. Como tantas outras empresa, a Três Amigos embarca na onda dos frescões e lança a Castelo x Vicente de Carvalho via Av. dos Democráticos, Uranos e Brás de Pina. A linha, operada com Marcopolo II ostentando um layout ligado aos carros de Fórmula 1, durou até os anos 80. Um pouco depois, em 81, a Três Amigos daria seu grande salto.

A lei dos 120 carros forçou a união ou a simples extinção de muitas empresas, mesmo com linhas rentáveis e tradicionais. Uma delas foi a Suburbana (18500), maior que a própria Três Amigos, que operava a 638, a 640 (Saens Peña x Vigário Geral) e a dupla 781/782. Com a união, a Três Amigos passou a ter uma configuração próxima à atual, bastante demarcada por áreas de operação e resumida da seguinte forma:

Setor Marechal Hermes: 638, 781, 782
Setor Penha e Irajá: 676, 712, 721, 956A, 956B, Praça Dois (904).

Novas linhas foram acrescentadas, como as comunitárias da Penha e do CEASA (E11A e E14B), a Penha x Fundão (932, atual 956), a Grotão x Vigário Geral (954) e a Méier x São Francisco Xavier (638A). Ironicamente, apesar de participar dos pools de 261 e 296, a empresa não conseguiu voltar ao Centro de forma definitiva.

Os anos 90 chegam com um concorrente indesejável para a Três Amigos, baseada quase completamente em linhas auxiliares: o transporte alternativo, seja ele regular ou irregular. Rodando basicamente na Edgard Romero, as kombis conseguiram fazer grandes estragos em linhas como 676, 712, 721, 781 e 782. Por um tempo apenas a 638, sempre um caso à parte, estava relativamente livre da concorrência, podendo sustentar a empresa mas talvez justificando a queda no padrão de frota.

> A empresa pertence ao mesmo grupo empresarial que a Caprichosa Auto Ônibus e a Viação Vera Cruz.

> Após o fechamento da empresa Translitorânea Rotas Turísticas, a SMTR determinou que o consórcio Transcarioca iniciasse um plano de contingência para atender os passageiros das linhas 314 (Central-Barra), 315 (Central-Recreio, via Linha Amarela), 501 (Barra-Gávea) e 502 (Recreio-Gávea). Com isso, a Três amigos entrou em pool na linha 315.

Linhas

265 Castelo X Mal.Hermes BRS4 via Túnel Rio 450/Via Binário/Norte Shopping ANTIGA 261
315 Central x Recreio BRS5 via Linha Amerela
551 Rio Sul x Barra da Tijuca via Orla-Rocinha ANTIGA 308/332
552 Rio Sul x Barra da Tijuca via Orla-Vidigal ANTIGA 535
553 Rio Sul x Recreio via Orla-Rocinha
609 Metro São Francisco Xavier X Méier via Grajau BRS6 ANTIGA 638A
638 Saens Peña x Mal.Hermes via Grajau BRS6
676A Méier X Madureira
685 Méier x Irajá via BRT Madureira/ Estr.Colégio
SVA685 Méier x Irajá Via Embau
SVB685 Méier x Irajá Via Rua Ururaí
709 Cascadura X Amarelinho via BRT Vaz Lobo
712 Cascadura X Irajá via BRT Vaz Lobo
721A Vila Cruzeiro X Penha
781 Mal.Hermes X Cascadura via Irajá
782 Mal.Hermes X Cascadura via Rocha Miranda
783 Mal.Hermes X Praça Seca via Vila Valqueire
921 Vila Cruzeiro X Largo da Penha


Linhas já operadas

Castelo x Vicente de Caravlho
904 Vicente de Caravlho x Praça Dois
954 Grotão x Mercado São Sebeatião
956 IAPI da Penha x Invernada

Na operação do sistema de BRT, a empresa adquiriu onibus articulados das encarroçadoras San Marino Neobus e Marcopolo, sendo eles respectivamente nos modelos Mega BRT MBB 500 MA e Viale BRT MBB 500MA.

Com o inicio da sua operação nos corredores expressos, a empresa também passou a operar linhas alimentadoras do sistema:
676 Penha x Meier
782 Marechal Hermes x Cascadura
956 IAPI da Penha Circular

Linhas BRT

Vicente de Caravlho x Alvorada
Madureira X Tanque
Madureira X Taquara
Madureira X Alvorada
Madureira X Penha
Madureira X Fundão
Vila Miltiar X Recreio

> Em 1997, a Três Amigos testou a 638 rodoviária, com micros rodoviários. Custando 3 reais quando a modal valia 55 centavos, o serviço seletivo não deu certo.

> Nos anos 70 a empresa rodou o frescão Castelo x Vicente de Carvalho, via Democráticos e Brás de Pina. A irmã Caprichosa tinha frescões semelhantes, inclusive na pintura.

> Nos anos 70, a linha 956 inicialmente Vila Cruzeiro x Penha foi transformada em Invernada de Olaria x Iapi da Penha e tem três ramais: a circular via Ramos (956A), a circular via Penha (956B) e a 956 Fundão.

> As linhas do Méier e Cascadura tiveram ônibus curtos há muitos anos, rodaram por exemplo Torinos LN, e GV 1318 em 1997.

> Nos anos 80, a Três Amigos operou por curto tempo a 296 (Castelo x Irajá). Posteriormente a linha foi para a Estrela Azul, onde permanece até hoje.

> A longeva estada dos Torino GV se iniciou em 1995, com os 1620. Via de regra, eles ficaram até 2002, sendo trocados por Viale 1417.

> A Três Amigos aproveitou, para os micros urbanos, o layout dos micros refrigerados. Em meados de 2001 vieram os primeiros Senior G6, para a dupla 956A e 956B.

> Após a geração Torino e os Viale, vieram os Citmax. O modelo foi comprado entre 2004 e 2006, podendo ser encontrado nas linhas 676, 712 e 638.

> A Mascarello vendeu muitas carrocerias à empresa em 2008, entre micrões (GranVia Midi I e II) e convencionais (GranVia II).

> A 638A é a linha perdida da Três Amigos, pois sua área de operação é muito diferente das demais. Ligando o Méier ao metrô da São Francisco Xavier, com 8 micrões refrigerados.

Comentários

1 comentário

 
Marinês
2019-11-12 18:33:49
Gostaria de saber o motivo pelo qual o 782 não passa mais na rua Clodoaldo de Freitas. Ele está indo direto pela Av Brasil
 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal